Engenheira e enfermeira, mulher faz 4º ano de Enem para ser médica: ‘Sonho’ – 21/11/2021


Ter duas formaturas em cursos superiores não satisfez Sarah Lyra Rodrigues, 34, que nesta tarde faz prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) na escola Moreira e Silva, em Maceió. “Fazer medicina é meu sonho desde criancinha”, conta.

Formada em enfermagem e engenharia civil, ela tenta pela quarta vez conseguir uma nota no Enem para cursar medicina na Ufal (Universidade Federal de Alagoas).

“Eu sou concursada como enfermeira pela Uncisal [Universidade de Ciências da Saúde Alagoas] e acabei de passar em outro concurso, da Secretaria de Estado Saúde”, diz.

Sozinha, ela chegou cedo ao local de prova e estava sentada na calçada na frente da escola quando conversou com o UOL.

Ela afirma que gosta da profissão que exerce, mas acha que pode ir além na ajuda aos pacientes.

“Faço enfermagem por amor, é maravilhoso, mas acho que posso ajudar mais. Com enfermagem, eu cuido de bebês, sou da área de neonatologia. Mas eu quero mesmo é ser cirurgiã, acho que ajudarei a salvar mais vidas sendo médica. Não vou desistir do sonho”, afirma.

Sarah diz que se preparou para as provas de 2021 estudando matérias isoladas em um cursinho da capital alagoana.

“Faço já esse cursinho há dois anos, estudo em casa também. Eu estou confiante. Minha nota no Enem passado já foi melhor, mas não deu para entrar. Sei que estou no caminho [de passar]”, conta a candidata, que se formou primeiro em enfermagem, há dez anos, e depois fez engenharia por conta de seu marido.

“Fiz para ajudá-lo com cálculos. Cheguei a atuar na área e fui monitora, mas hoje deixei de lado”, afirma. O filho dela tem 17 anos, mas ainda não vai prestar a prova. “Ele vai fazer o Enem somente no próximo ano, quando estiver no 3º ano, e quer cursar engenharia”, completa.



Fonte

Com professores super atenciosos, o cursinho me abriu uma porta para o futuro e agora estou na melhor universidade do Brasil Rebeca Nilsen, aprovada na USP

Galileo Vestibulares | Área do Aluno

X