Pessoas com Covid-19 deverão solicitar reaplicação do Enem 2020


O Instituo Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou aos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 que a reaplicação das provas poderá ser solicitada por quem estiver com coronavírus (Covid-19) no dia do exame.

As provas serão aplicadas nos próximos dois domingos (17 e 24 de janeiro) e os participantes infectados deverão fazer a solicitação na Página do Participante, antes da aplicação do exame. O Inep não informou qual o prazo máximo para o pedido e nem se haverá diferença para solicitar a reaplicação do primeiro ou segundo dia. O Brasil Escola entrou em contato com o Inep e aguarda a resposta para mais informações.

Além da infecção por Covid-19, a reaplicação também poderá ser solicitada por pessoas com as seguintes doenças infectocontagiosas: coqueluche, difteria, doença invasiva por Haemophilus influenza, doença meningocócica e outras meningites, varíola, Influenza humana A e B, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola e varicela.

Para fazer o pedido da reaplicação, o participante deverá inserir, no momento da solicitação, documento que comprove a doença, com o nome completo do participante, o diagnóstico com a descrição da condição, o código correspondente à Classificação Internacional de Doença (CID 10), além da assinatura e da identificação do profissional competente, com o respectivo registro do Conselho Regional de Medicina (CRM) e data do atendimento.

A reaplicação das provas do Enem 2020 está prevista para os dias 23 e 24 de fevereiro.

Não pare agora… Tem mais depois da publicidade 😉

Sintomas de Covid-19 

O Inep também alertou aos participantes que apresentarem sintomas na véspera ou no dia da prova para que não compareçam aos locais do exame e considerem a segurança da saúde coletiva.

Esses participantes com sintomas devem fazer o registro na Página do Participante e entrar em contato com a Central de Atendimento do Inep (0800 616161) para informar sobre a situação.

Grupos de Risco

Os participantes que são considerados como grupo de risco ao contágio do vírus terão salas específicas para a realização do Enem 2020. A ocupação máxima das salas será de 25% da capacidade, sendo o número máximo de 12 pessoas em cada sala.

Fazem parte desse grupo: gestantes, lactantes, idosos e pessoas com condições médicas preexistentes, como cardiopatias, doenças pulmonares crônicas, diabetes, obesidade mórbida, hipertensão, doenças imunossupressoras e oncológicas.

Protocolo de Segurança

Além do uso obrigatório da máscara de proteção facial, o Inep já liberou as medidas de segurança que deverão ser respeitadas no dia do exame. O número dos locais de prova foi ampliado para que as salas tenham ocupação reduzida e haverá a disponibilização de álcool em gel. Os portões serão abertos às 11h30 (Horário de Brasília), 30 minutos antes do previsto nos editais para evitar aglomeração.

Para mais informações acesse a página do Enem 2020 no Brasil Escola.





Fonte

Com professores super atenciosos, o cursinho me abriu uma porta para o futuro e agora estou na melhor universidade do Brasil Rebeca Nilsen, aprovada na USP

Galileo Vestibulares | Área do Aluno

X